Musics....

segunda-feira, 6 de fevereiro de 2012

Primeira Gota - O Caminho


1ª Gota > O caminho

Exato o conjunto cândido dessas gotas
que atrai a retidão do caminhar perfeito
Passo a passo no labirinto cego das terracotas
escuro e úmido, quase um amor perfeito

Fico ali, de prontidão nas esquinas da vida, na espreita


"Ah sementeiro! Que de tua crista floresça
que minha alma descanse nesta sombra travessa
e que na flora tu alcances de minha alma o aroma
Pois, dia menos dia a vida ensina
Que este rei ninguém destrona
é somente ele que controla este verde-piscina"


São tantos que perseguem o porto seguro
e quando chega quer liberdade e revolução
Saindo da rotina num pensamento não tão maduro
Cabelos brincando ao vento, semblante belo e loução

únicos e singulares tesouros...
cada um com seu dom e beleza,
branco,moreno, negro, amarelo-ouro
rica mistura que ergue a fortaleza


"Tu perguntas se o amor tem prazo de validade?
ou quiçá ele seja o capitão em seu navio,
uma balança de tempestuosas ambiguidades
parando nos portos em busca de desafios?"


Sê Livre ! Livre para amar todas as cores do arco-íris sem tocá-las
ou quem sabe, se banhar nas lagoas de argila para perder a identidade

Retorna ao teu estado mais primitivo,
Volta ao fio da meada, onde tudo começa
entretanto, com a certeza que tudo é relativo
e o questionamento que jamais cessa.


"Desamarre tua ingênuidade tão inocente quanto culpada,porém a mais divina..."